Felippe Alves e o The Monio

Outro sonho bizarro (e simbólico, por que não) pra galeria.

maxresdefault

Tenho sonhado com uma criatura mítica em especial. Não um demônio convencional. Já é a segunda vez. Ele é uma espécie de misto: tem cara de idiota, mas ao mesmo tempo tem cara de ser seguro e tal.

Esse demônio só aparece pra mim quando eu passo em frente a uma escola, em especial em frente a uma moita, perto de uma janela antiga, um vitreaux. Ele aparece pra mim, eu tento correr atrás dele dizendo: “você não me assusta, vai procurar o que fazer”.

Nisso ele começa a correr e eu: ” tá correndo por que, seu medroso?! volta aqui!” eu tento matá-lo de várias formas, mas ele nunca morre, ele é meio lesado, um zumbi. Ele acha que me assusta, mas só consigo achar graça dele. É aquele misto de: “você não me assusta” com “tenho medo do que você pode chegar a se tornar”. É muito curioso. Eu não sinto medo dele e sim do que ele pode se tornar.

O sonho só pode ser uma analogia a minha capacidade. Esse demônio, na verdade, sou eu. Eu lutando com ele. Só pode. Porque ele usa uma jaqueta de couro marrom (eu não tenho jaqueta e sim uma blusa de lã marrom, mas soa como uma alusão a minha aspiração pseudo fashion) e anda com certa insegurança, mas eu sinto um cheiro especial nele, cheiro de quem quer assustar. Mas ele não tem perigón suficiente pra isso. Ou seja, eu.

Será que é o termo ” the only person standing in your way is you”, de novo, fazendo total sentido? Esse é o sonho mais complexo que já tive, junto com o do Terminal Ferroviário e o da Cama sobre Rodas.

Cama sobre rodas: Minha cama sobre rodas num percurso que durou 40 segundos, passando por um túnel escuro e parando no exato local onde minha cama se encontra agora.

Sobre Felippe Alves

Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Felippe Alves


Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

What we´re gonna do right here is go back

novembro 2015
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Latest Tweets

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

%d blogueiros gostam disto: