Velhice Precoce em Duas Décadas

Que sentimento é esse me empurrando contra a parede?
Estou sendo levado anos-luz daqui
Este é o verdadeiro eu que me encara no espelho?
Olhando assim pra mim…
Poderia ser?
Um novo reflexo de uma ruga aqui? *aponta*

Subitamente fiquei tão indisposto (ai que idoso)
A dor chegou e deu um olá para mim (como vai?)
Mas que emoção
Sinto que não sou mais o mesmo.
Algo em mim mudou
Estou acabado, desarranjado
Caído, é.

A dor andava tão sozinha
E eu também
Logo, ela pediu pra ser minha amiga
De início, eu disse não
Mas ela não deu ouvidos
Hoje parecemos amigos de infância.

A gravidade me fez uma declaração de amor
Eterna e definitiva.
A cada dia que passa, percebo o quão surreal é esse rebuliço
E daqui um tempo
Não haverão cremes de rejuvenescimento que darão conta do serviço.

Vinte anos
Vinte anos que equivalem a sessenta
O que que há?
O prefixo da palavra sexagenário não te diz nada?

Felippe Alves, no mês do seu aniversário.
Antologia poética, 2010. Direitos reservados.

Anúncios

Sobre Felippe Alves

Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

Uma resposta para “Velhice Precoce em Duas Décadas

  1. Mi amor que belo texto *-*
    Eu sinto a mesma coisa que você descreve aí,pelo amor estamos em outro tempo,no mesmo tempo que este estamos =S
    beijoooo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Felippe Alves


Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

What we´re gonna do right here is go back

setembro 2010
S T Q Q S S D
« ago   out »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Latest Tweets

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

%d blogueiros gostam disto: