|+18| A transição de Christina Aguilera para a… er, idade adulta

Este post é para maiores de 18 anos. Se você não tem 18 anos, vá para o colo da mamãe. Esse lugar não é pra você.

Todos sabemos que Christina Aguilera começou a carreira como boa moça, cantando músicas não tão provocantes até o lançamento do álbum Stripped em 2002. Um álbum com uma temática diferente do anterior (e primeiro) – Christina Aguilera – com hits como Fighter (um agradecimento dela pelas más ações de uma pessoa por ter deixado ela mais esperta, ciente e por ter se tornado uma lutadora), Beautiful e o ápice (?) da transição: Dirrty. A capa desse álbum não ia ser diferente. Tá bem que o álbum da Christina chama-se Stripped, logo, ela parece estar nua na capa. Inclusive na calça dela tem uma cadarço amarrado bem na, err… genitália, parecendo que… er, enfim, vejam:

ChristinaAguilera-Stripped

O que é isso, minha gente? Essa capa foi proposital? Christina quis realmente que a primeira impressão fosse certeira? Isso porque o Stripped nem tem o selo Parental Advisory (Explicit Lyrics).

Depois eu faço um post especial do Back to Basics, terceiro e supra-sumo álbum de sua carreira. Voz, sofisticação, finesse.

Anúncios

Sobre Felippe Alves

Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Felippe Alves


Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

What we´re gonna do right here is go back

agosto 2009
S T Q Q S S D
« jul   set »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Latest Tweets

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

%d blogueiros gostam disto: