Entrevista de emprego

entrevista-de-emprego-01

Minhas peripécias para conseguir um emprego continuam a todo vapor. Até que, do nada, numa tarde de terça-feira, eu recebo uma ligação de uma suposta loja em que deixei currículo há semanas atrás dizendo pra eu comparecer pra um processo seletivo. Eu fico esperançoso e feliz, bla bla bla, aquela mesma história. Enfim… Minha entrevista de emprego? Bem, foi tensa no começo, como toda entrevista passa a parecer, mas no final, tudo correu bem e eu sinto que consegui surpreender a psicóloga de alguma forma. Como por exemplo: a prova com dez questões de Matemática e dez de Português, acertei todas de Português e errei três de Matemática (Ma-te-má-ti-ca, mais alguma pergunta?), 17 corretas de 20. E fiz uma redação de tema livre de no mínimo vinte linhas. Escolhi o tema super oportuno pra mim: o mercado de trabalho atual. A entrevistadora elogiou meu currículo, o teste feito e também o fato de que vou me formar cedo e etc. Mesmo com minhas limitações, foi uma boa conversa. Tudo estava correndo tão bem, mas sempre tem algo pra atrapalhar: horários. Como eu estudo à noite, não tinha horário disponível de manhã e sim o das 16h às 22h. Disse que ia analisar com cuidado as minhas habilidades e que me ligaria quando aparecesse algo. Frustrante? Sim, prestes a arrumar um emprego e isso acontece. Mas olha o que me minha amiga me disse hoje. Ela foi na loja em que eu fui fazer entrevista com a irmã dela. No caixa, ela viu o guri atendente e os dois começaram a conversar:

– Meu amigo ia vir aqui hoje fazer uma entrevista.
– Nããããão!
– O quê?
– Fala pra ele não fazer isso.
– Nossa, por quê?
– Eu não sei o que é folga há 17 dias.
– Pô, que ruim hein, colega. Até pensei em mandar um currículo, mas me desanimei.
– Você tem o que comer? Tem o que vestir? Então vai procurar algo melhor pra você fazer.
– *espanto espanto espanto*

Por isso, eu tenho que concordar com o que ela disse: “É sempre bom ver o lado positivo das coisas, Felippe”. Pois é, o mundo pode desmoronar na sua cabeça, mas sempre existem pessoas pra fazerem você enxergar (nem que seja na porrada) o lado positivo das coisas. Bem, é porque não tinha ser minha vaga mesmo. E imaginem só? Sem folgar por tanto tempo? É varejo, acorde pra vida. Folga é piada, fato. Minha barriga dói. E meus outros planos? Vão ficar pra escanteio? Desculpe, mas se me quiserem na companhia, terão de acatar minhas necessidades (?) Haha, piada. Se pensam que a busca a uma vida financeiramente estável acabou? Está apenas começando. A impressora jorra currículos diariamente como dinheiro do bolso dos políticos. E é assim que vai continuar, ah vai.

Anúncios

Sobre Felippe Alves

Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

Uma resposta para “Entrevista de emprego

  1. Tenho um problema sério de desemprego!!Tenho 28 anos, meu último trabalho foi aos 26. De lá para cá, nada.Mas, não posso deixar de tentar. Jamais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Felippe Alves


Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

What we´re gonna do right here is go back

julho 2009
S T Q Q S S D
« jun   ago »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Latest Tweets

Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

%d blogueiros gostam disto: