Situações chatas do dia a dia [Parte 3]

Eu não esperava por uma parte 3. Mas otimismo demais às vezes frustra, então vamos direto ao assunto desta vez. Estava eu no ponto do ônibus do lado da faculdade tranqüilão esperando o dito cujo chegar, quando de repente VAPPO! Chega o ônibus e logo notei que ele estava vazio, exatamente às 22h40 da noite. Ia chover, não é possível. Ao chegar na porta do ônibus, quase sou pisoteado pela multidão de estudantes. Foi um “empurra empurra” dos infernos. Levei um pisão no pé e está com grandes chances de inchar. Foram como animais no meio da savana africana. O que me restou foi voltar pro ponto e esperar o próximo. Mal sabia eu que o outro também chegaria cheio. O ponto aqui é: O QUE LEVA A PESSOA CHEGAR A ESSE PONTO? Chegar cedo em casa depois de um longo dia de trabalho e estudo? Não são os únicos. A educação não é virtude de muitos. O meu veredicto para história é: ODEIO O SISTEMA DE TRANSPORTE. Acho um grande infortúnio mesmo. Voltar de pau de arara pra casa não é fácil. Sim, porque andar de ônibus nos dias de hoje é quase como isso.

Anúncios

Sobre Felippe Alves

Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Felippe Alves


Jornalista, 20 e poucos anos, amante assíduo da arte e da música. Dono do próprio blog. Sem sucesso pra trabalhar na área. Tenho células suicidas (elas não me suportam e colocam substitutas no lugar). Não sei o que é real ou o que é fantasioso. E definitivamente não sei lidar com MUITAS coisas.

What we´re gonna do right here is go back

agosto 2008
S T Q Q S S D
« jul   set »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Latest Tweets

Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.

%d blogueiros gostam disto: